quarta-feira, 20 de setembro de 2017

21 de setembro: Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência


INCLUSÃO, SEMPRE!

CURSO DISCUTE ACESSIBILIDADE NAS BIBLIOTECAS



A maioria das bibliotecas brasileiras ainda não possui acessibilidade em todas as dimensões para atender pessoas com diferentes deficiências – visual, auditiva, intelectual, física, múltipla e surdocegueira. Entre os principais desafios estão a capacitação dos profissionais, a produção de acervo, a formação de leitores e de público frequentador de bibliotecas.
“Neste cenário, os profissionais que trabalham na formação de leitores têm um papel importante no fortalecimento de uma rede de atividades articuladas para que a biblioteca esteja preparada para receber todas as pessoas.  É preciso aprender com as diferenças e compartilhar experiências”, afirma Carla Mauch, coordenadora geral da ONG Mais Diferenças, responsável pela implementação do Projeto Acessibilidade em Bibliotecas Públicas, por meio de Convênio o Ministério da Cultura, que foi concluído este ano.
A data de 21 de setembro foi escolhida como Dia Nacional de Luta das Pessoas com Deficiência, tempo de reflexão e busca de novos caminhos na luta pela inclusão social. E para discutir a inclusão no âmbito das bibliotecas, Mauch estará em Belo Horizonte nos dias 28 e 29 de setembro para ministrar o curso “No Lugar da Leitura, a Biblioteca”, que terá como público professores, bibliotecários, auxiliares de biblioteca, mediadores de leitura e agentes culturais.
O curso será realizado de 13h30 às 18h30, naBiblioteca Infantil e Juvenil de Belo Horizonte (Centro de Referência da Juventude - Praça da Estação, s/nº). O projeto é realizado com recursos da Lei Municipal de Incentivo à Cultura de Belo Horizonte - Fundação Municipal de Cultura.
Segundo Carla Mauch, apesar de todos os desafios, também há o que comemorar. “A acessibilidade está em pauta, mobiliza hoje governos, universidades, entidades, as bibliotecas e seus profissionais. Há uma preocupação em realizar ações de inclusão e temos um marco legal avançado, com artigos que tratam da democratização do acesso ao livro, à leitura e à literatura para as pessoas com deficiência”, afirma.
A coordenadora da Mais Diferenças cita ainda a Lei Brasileira de Inclusão, que determina a produção de livros em formato acessível. ‘”Tudo isso, aliado à ampliação da política de educação inclusiva está gerando um movimento, mesmo que lento, de transformação”, explica.
Carla Mauch vê os formadores de leitores como importantes agentes dessa transformação, no contato direto com este público, com desenvolvimento e compartilhamento de experiências. “A formação de leitores é um processo que leva tempo. Se hoje temos dificuldade em formar leitores de maneira geral, em relação às pessoas com deficiência, o desafio é muito maior”
Como principais ganhos do Projeto Acessibilidade em Bibliotecas Públicas, iniciativa do Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas do Ministério da Cultura, Mauch cita o envolvimento e capacitação dos profissionais, a disseminação do conhecimento, o desenvolvimento do acervo em múltiplos formatos, a sistematização de informações e a criação de um manual de acessibilidade. “Por meio do projeto, foi desenvolvido um trabalho abrangente em todas as regiões do Brasil, estendendo o conhecimento e as experiências das bibliotecas participantes para as demais bibliotecas”.
Bons exemplos
A Biblioteca Pública Estadual de Minas Gerais foi uma das dez bibliotecas brasileiras participantes do Projeto Acessibilidade em Bibliotecas Públicas. Por meio do projeto, a equipe da instituição recebeu capacitação e a biblioteca foi equipada com livros de literatura, jogos e brinquedos acessíveis, além de tecnologia assistiva.
“O projeto significou principalmente uma mudança atitudinal na instituição. Conseguimos estender nosso olhar para além da deficiência visual, onde já temos um trabalho consolidado, construindo uma nova postura em relação a outros tipos de deficiência. Recebemos capacitação em Libras, a Língua Brasileira de Sinais, uso de tecnologias assistivas, oficinas para ações inclusivas, curso de braille para a equipe de catalogadores, entre outros”, explica a diretora da Biblioteca,  Alessandra Gino.
Segundo Alessandra, hoje o setor Braille desenvolve diversas atividades inclusivas, como Clube da Leitura, do Xadrez, exposições, palestras, e grupos de estudo.  A biblioteca realiza ainda algumas ações para pessoas com deficiência auditiva, como contação de histórias, palestras e cursos.
Em Lagoa Santa, a Biblioteca Pública Municipal desenvolve o projeto “O Essencial é invisível aos olhos”, que recebeu em junho deste ano o prêmio da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) como melhor programa de incentivo à leitura junto a crianças e jovens de todo o Brasil. O projeto, idealizado pelas bibliotecárias Tatiana Brandão e Paula Mariano, trabalha a inclusão por meio de roda de leitura, hora da história, atividades de inclusão digital e leitura acessível orientada.
O trabalho da biblioteca, voltado para pessoas com deficiência visual e desenvolvido desde 2011, envolve crianças, mas também jovens, adultos e idosos. “Além de empréstimos de livros acessíveis em áudio, braille e em fonte ampliada, promovemos atividades de acordo com necessidades das pessoas, como as de inclusão digital e passeios culturais. Funcionamos como um verdadeiro espaço de convivência e interação”, conta Tatiana.
Em Uberaba, a Fundação Cultural do município desenvolve ações de inclusão desde 2014. “Começamos com seminários para discutir o assunto, com a participação de educadores da universidade e representantes de várias instituições do setor, como o Instituto dos Cegos, Centro de Orientação e Pesquisa em Educação Especial, Escola para Surdos Dulce de Oliveira, APAE, entre outros”, explica Ivanilda Barbosa, chefe do departamento de bibliotecas da Fundação.
Em parceria com estas entidades, a Fundação passou a realizar diversos eventos, como o Cine Inclusão. “As crianças assistem a filmes, conhecem a biblioteca e discutimos o tema”. Além de cinema, crianças com deficiência participam também de visitas a exposições, sessões de leitura e contação de histórias. “Tem sido uma experiência muito rica para todos, crianças, pedagogos e demais frequentadores da biblioteca, pelo aprendizado e convivência na diversidade”, afirma Ivanilda.

Curso No Lugar da Leitura a Biblioteca
Palestrante:
Carla Mauch é pedagoga, coordenadora geral da ONG Mais Diferenças, empreendedora social da Ashoka, líder da Rede de Inclusão Social do Centro de Excelência em Tecnologia e Inovação em Benefício das Pessoas com Deficiência da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência e membro do Conselho Consultivo da Ouvidoria da Defensoria Pública do Estado de São Paulo (DPE-SP). Está à frente do Projeto Acessibilidade em Bibliotecas Públicas, iniciativa do Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas do Ministério da Cultura.
Dias 28 e 29 de setembro – 13h30 às 18h30
Biblioteca Infantil e Juvenil de Belo Horizonte
Centro de Referência da Juventude - Praça da Estação, s/nº.

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

SEMANA DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA - CONTAGEM/MG




Audiência do MPT objetiva inclusão com acessibilidade de pessoas com deficiência no mercado de trabalho

A Diretoria de Políticas para as Pessoas com Deficiência  (PBH), convida a todos para participarem da Audiência Pública chamada pelo Ministério Público do Trabalho conforme os termos do edital anexo.

O Objetivo desta audiência é tratar da inclusão das pessoas com deficiência no mercado de trabalho com nova metodologia abrangendo o FIAPCD – Fórum de Inclusão e Acessibilidade das Pessoas com Deficiência.


MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO
PROCURADORIA REGIONAL DO TRABALHO DA 3a REGIÃO/MG
R. Bernardo Guimarães, 1615, Funcionários – Belo Horizonte/MG – CEP: 30.140-081

http://www.prt3.mpt.mp.br

1

EDITAL DE AUDIÊNCIA PÚBLICA

O Ministério Público do Trabalho - MPT, no uso das atribuições que lhe confere a Lei
Complementar no 75, de 20 de maio de 1993, o art. 27, parágrafo único, IV, da Lei no 8625, de
12 de fevereiro de 1993 e a Resolução 82, de 29 de fevereiro de 2012, do Conselho
Nacional do Ministério Público, no bojo do Procedimento Promocional No
002264.2017.03.000/9 que trata das ações para implementação do PROJETO NACIONAL
DA COORDIGUALDADE, DE INCLUSÃO E ACESSIBILIDADE DA PESSOA COM
DEFICIÊNCIA, CONVIDA A QUEM POSSA INTERESSAR a participar da AUDIÊNCIA
PÚBLICA que acontecerá no dia 22 de setembro de 2017, de 08:30 às 12:30, no auditório da
Procuradoria Regional do trabalho da 3a Região, localizada à Rua Bernardo Guimarães, no
1.615, Bairro Funcionários, Belo Horizonte/MG, nos termos deste Edital.
1. O OBJETIVO desta audiência pública é tratar da inclusão das pessoas com deficiência no
mercado de trabalho com nova metodologia abrangendo o FIAPCD – Fórum de Inclusão e
Acessibilidade das Pessoas com Deficiência.

2. OBJETO DA AUDIÊNCIA PÚBLICA
O objeto da audiência é a inclusão com acessibilidade de pessoas com deficiência no mercado de trabalho, nos termos do Projeto Nacional da Coordigualdade e em conformidade com o
novo Estatuto da Pessoa com Deficiência – Lei 13.146, de 6 de julho de 2015.
3. AGENDA DA AUDIÊNCIA PÚBLICA

DIA 22/9/2017 – SEXTA-FEIRA
08:30 – Cadastramento – Café Receptivo – recebimento de material
09:00 – Abertura dos Trabalhos pela Procuradora Chefe do MPT
09:10 – Apresentação da História e do Estatuto do Forum e Apresentação dos Membros
fundadores e informes sobre sua atuação
9:30 – Apresentação do Ministério Público do Trabalho – Inquéritos do Projeto Inclusão e
Acessibilidade – Metas – Propostas tripartites
9:40 – Apresentação do Ministério do Trabalho
9:50 – Apresentação do INSS

MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO
PROCURADORIA REGIONAL DO TRABALHO DA 3a REGIÃO/MG
R. Bernardo Guimarães, 1615, Funcionários – Belo Horizonte/MG – CEP: 30.140-081

http://www.prt3.mpt.mp.br

2

10:00 – Apresentação do SISTEMA S
10:10 – Apresentação dos órgãos do Município de Belo Horizonte
10:20 – Apresentação dos órgãos do Estado de Minas Gerais
10:30 – Apresentação de trabalhos desenvolvidos por membros do Forum
11:00 – Audiência com preferencia para os previamente inscritos, cada um com 5 minutos e
posteriormente, fala aberta.
11:50 - Considerações finais pelos procuradores titulares dos ICs
12:00 – Encaminhamentos
12:15 – Encerramento com Assinatura do Estatuto
4. A AUDIÊNCIA PÚBLICA SEGUIRÁ AS REGRAS ABAIXO
4.1. A participação é ampla e irrestrita. Os órgãos e entidades públicos e privados que
quiserem se inscrever antes para o tempo destinado às falas deverão proceder ao
credenciamento através do encaminhamento de mensagem para os seguintes e-mails:
lucas.carvalho@mpt.mp.br e e.gabriel.grossi@mpt.mp.br;
4.2 A audiência terá início e término nos horários definidos neste edital.
4.3. A audiência será constituída por uma Mesa Diretora e um Plenário, sendo que a Mesa
Diretora será composta pelo Presidente e pelo Secretário, escolhidos entre os membros e
servidores do MPT.
4.4. Ao Presidente compete coordenar os trabalhos e fazer cumprir o edital, podendo resolver
questões eventualmente não regulamentadas, segundo seu prudente arbítrio, em decisão
fundamenta irrecorrível.
4.5. Ao Secretário compete lavrar a ata da audiência, nela constando a suma de todas as
ocorrências.
4.6. As manifestações dos participantes poderão ser feitas por escrito ou oralmente em
audiência, no momento destinado aos debates;
4.7. Eventuais esclarecimentos poderão ser solicitados também pelos e-mails
lucas.carvalho@mpt.mp.br e e.gabriel.grossi@mpt.mp.br, até às 17 horas do dia 18/09/2017.
4.8. As manifestações ocorrerão na ordem definida pela Coordenadora dos trabalhos durante a
audiência.
4.9. As manifestações orais estarão limitadas a 5 minutos.
4.10. Após as manifestações haverá a sessão de assinatura de documentos e fechamento dos
trabalhos, com levantamento dos resultados.

ELAINE NORONHA NASSIF
Procuradora do Trabalho
Coordenadora Regional da COORDIGUALDADE

III Fórum dos Direitos das Pessoas com Deficiência – Lei Brasileira da Inclusão


Organização: Comissão de Defesa dos Direitos dPessoacom Deficiência da OAB/MG

DATA: 27 de setembro de 2017

LOCAL: Auditório da SEDOAB/MG
ENDEREÇORua Albita, 260 Cruzeiro BH
INVESTIMENTO: R$10,00 por pessoa
INSCRIÇÃO:www.oabmg.org.brvagas limitadas
HORÁRIO: 8h as 18h


TEMAS E PROGRAMAÇÃO:

08:00 às 9:00 – Café dManhã e Credenciamento
9:00 às 9:15 – Abertura

9:20 às 10:00 –PALESTRA MAGNA

Palestrante: Dr. Joelson Costa Dias
Vice-Presidente da Comissão Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência do Conselho Federal da OAB

10:00 às 10:45 –Direito à Saúde

Mediador: Juliana Moreira Zebral – Vice Presidente Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da OAB/MG
Palestrantes:
I – DrTadahiroTsubouchi – Presidentda Comissão de Direito Médico da OAB/MG
II - Dr. Luciano Moreira - Promotor de Justiça do Ministério Público de Minas Gerais.

10:45 às 11:30 –Direito Previdenciário

MediadorWania Alice - Membro da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da OAB/MG
Palestrantes:
I – Dra. Paula Assumpção – Presidente da Comissãde Direito Previdenciário da Subseção da OAB/ Juiz de Fora
II – Dr. Diego Wellington Leonel - Diretor do Instituto de Estudos Previdenciários-IEPREV, Membro da Comissão de Direito Previdenciário da OAB/MG

11:30 às 13:30  –  ALMOÇO


13:30 às 14:15 – Direitodo Trabalho

Mediador: Max - Membro da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da OAB/MG

Palestrantes
I – Dra. Lilian Katiusca – Advogada
II – Dra. Silvia Maria Maia Xavier - Advogada

14:15 às 14:45 – Educação Inclusiva

Mediador: Mariana Resende Batista – Membro Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da OAB/MG

Palestrantes
I – Dra. Ana Amélia – Membro da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da OAB/MG
II – Dra. Denise Martins – Membro Consultora da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência da OAB/MG

14:45 às 15:30 – Direito dFamília e a LBI

Mediador: Sâmela Mariana - Membro da Comissão de Defesa dos direitos da Pessoa com Deficiência da OAB/MG

Palestrantes
I – Dra. Tereza Mafra - Advogada
II – Dr. Luís Renato Braga Areas Pinheiro – Defensor Público da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais

15:30 às 16:00 – Apresentação Final

16:00 às 16:30 – Agradecimento final.

16:30 – Encerramento.

*Haverá intérpretes de Libras
**Programação sujeita a alteração.

Inscrições abertas: https://www.oabmg.org.br/Eventos/Home/Index/1265/463

segunda-feira, 11 de setembro de 2017

OFICINA DE LEITURA PARA CRIANÇAS COM DEFICIENCIA - FLIBH

A programação do  FLI-BH – Festival Literário Internacional de Belo Horizonte  contará com 16 oficinas, entre elas a LEITURA UNIVERSAL, INTERPRETAÇÕES SINGULARES: A LEITURA COM CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA, com Mariana Rosa (BH) que acontece no dia 16 de setembro, sábado, de 9 às 13h.                        

A oficina tem como objetivo contribuir para a inclusão das crianças com deficiência nas bibliotecas e espaços de leitura de Belo Horizonte. Para isso, os participantes serão convidados a refletir sobre o conceito da deficiência, um breve histórico do tema no mundo, os diversos significados assumidos no convívio em sociedade, as barreiras, os tabus e as possibilidades de inclusão, do respeito e da valorização das diferenças por meio da leitura.

Mariana Rosa é jornalista, autora do blog e do livro Diário da mãe da Alice, no qual registra suas descobertas, experiências e sentimentos como mãe de uma criança com deficiência. É também embaixadora mineira da ONG Prematuridade e articuladora de grupos de apoio a mães e familiares de crianças com necessidades especiais de saúde.


As inscrições para participar da oficina podem ser feitas  no site www.flibh.com.br

sábado, 2 de setembro de 2017

ENTREVISTA COM BARBARA PAGLIOTO

Confira a entrevista com  Barbara Paglioto, assessora do Núcleo de Ações Educativas, Acessibilidade e Pesquisa do Espaço do Conhecimento da UFMG. Clique  AQUI

ENTREVISTA COM REPRESENTANTES DO MUDEVI BH


Confira entrevista com com o coordenador geral do Movimento Unificado de Deficientes Visuais de Belo Horizonte - MUDEVI BH, Willian Nascentes e com a coordenadora da Comissão de Passeios, do mesmo projeto, Elisângela de Jesus AQUI

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

SETEMBRO VERDE - MÊS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA

[DESCRIÇÃO] À esquerda da imagem há uma árvore com troncos verdes, 
lembrando pessoas com braços abertos. As folhas desses troncos são azuis. 
À direita, a inscrição, em fonte verde, "Setembro verde - mês da pessoa com deficiência".

A Coordenadoria de Direitos das Pessoas com Deficiência - PBH, promove em setembro o Mês da Pessoa com Deficiência. A Cultura apóia o evento com uma programação em seus espaços culturais que celebra a inclusão e a diversidade.

MUSEU HISTÓRICO ABÍLIO BARRETO
Arquitetura dos sentidos: visita tátil gustativa nos jardins do Museu Histórico Abílio Barreto. Atividade gratuita, voltada para o público geral e pessoas com deficiência visual e intelectual. Vagas limitadas.
Inscrições: educativomhab@pbh.gov.br
Dia: 22/09/2017 às 14h no Casarão do Museu Histórico Abílio Barreto.
Av. Prudente de Morais, 202. Cidade Jardim. 
Para maiores informações: 32778835

MUSEU DA IMAGEM E DO SOM
A Forma do Filme – um passeio tátil e sonoro pelo Museu da Imagem e do Som.Apresentamos ao público uma nova experiência educativa no MIS BH. A proposta é que os visitantes possam perceber o acervo e o próprio casarão que abriga o Museu com outros sentidos para além da visão. Desta forma, convidamos os visitantes a tatearem objetos do acervo, entre réplicas e itens originais, e perceberem pela audição a riqueza sonora das produções audiovisuais.
Dia: 22 de setembro (sexta-feira)
Horário: 14h
Duração: 1h20
Participantes: 10 vagas
Agendamento pelo e-mail mis.fmc@pbh.gov.br ou pelo telefone: (31)3277-6330.
Faixa etária/Classificação: livre

MUSEU DE ARTE DA PAMPULHA
Arquitetura dos Sentidos: Nesta edição do projeto, faremos uma visita sensorial com
foco na exposição de livro de artista "Arte é muitas coisas", curadoria de Amir Cador. Para cegos e videntes.
26/09/2017 - 14h30 às 16h30
AVENIDA OTACILIO NEGRAO DE LIMA, 16585 - JARDIM ATLÂNTICO
map.educativo@pbh.gov.br Tel:(31) 3277-7946 (31) 3277-7953

CASA DO BAILE
COM MEU FILHO NA ÁGUA Contribuições da Terapia Ocupacional para pais entenderem sobre os benefícios e possibilidades de atividades na água para seus filhos com deficiência. Nos dias atuais, a rotina da criança com deficiência tem sido árdua (reabilitação todos os dias) e quase não sobra tempo para as atividades espontâneas. Em muitos casos, os pais se tornam dependentes dos profissionais reabilitadores por não sentirem segurança em auxiliar seus filhos em atividades importantes para o desenvolvimento. A terapeuta ocupacional Pollyanne Calu, com a sua experiência de quase 20 anos em ambientes aquáticos pensou em uma forma de contribuir para que as famílias entendam como proceder para que seus filhos aproveitem efetivamente o ambiente aquático e ao mesmo tempo possam desfrutar de um ambiente prazeroso e cheio e estímulos. O tempo de duração para a palestra seria de três horas e meia (com pausa de 20 min para um lanche) e a programação seria para o dia 23 de setembro, sábado de 8:30h às 12h.
Avenida Otacílio Negrão de Lima, 751, Pampulha
cb.fmc@pbh.gov.br


































conteudo flyer: WORKSHOP: QUAL A CADEIRA DE RODAS MAIS INDICADA PARA MIM?
Data: 4/9/17 - Dia da Paralisia Cerebral - Horário: 14h
Local: Centro de Referência Esportiva para Pessoas com Deficiência
Av. Nossa Senhora de Fátima, 2.283 – Carlos Prates
Realização: Prefeitura de Belo Horizonte, Associação Mães que Informam (AMI) e Tchnocare

A SAVASSI É DA GENTE - APRESENTAÇÕES PARADESPORTIVAS
Data: 10/9/17 - Horário: 9h às 14h
Local: A Savassi é da Gente
Av. Getúlio Vargas, esquina com Av. Cristóvão Colombo
Realização: Prefeitura de Belo Horizonte

WORSHOP AUTISMO: ROMPENDO AS BARREIRAS ATITUDINAIS
Data: 15/9/17 - Horário: 14h às 17h
Local: CRAS Novo Aarão Reis
Avenida Risoleta Neves, 247- Via 240 - Novo Aarão Reis
Realização: Prefeitura de Belo Horizonte, Comissão das Associações de Defesa dos Direitos dos Autistas (CADDA)

A SAVASSI É DA GENTE - AÇÃO PELA INCLUSÃO Rua de lazer, atividades físicas, apresentações artísticas, culturais e paradesportivas, exposição de políticas públicas e serviços para pessoas com deficiência, e muito mais.
Data: 17/9/17 - Horário: 9h às 14h
Local: A Savassi é da Gente
Av. Getúlio Vargas, esquina com Av. Cristóvão Colombo
Realização: Prefeitura de Belo Horizonte

SEMINÁRIO: AS ORGANIZAÇÕES SOCIAIS E AS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA
Data: 21/9/17 - Dia Nacional de Luta da Pessoa com Deficiência Horário: 8h às 17h
Local: Associação do Ministério Público - Rua dos Timbiras, 2.928 Barro Preto
Realização: Prefeitura de Belo Horizonte e Centro Mineiro de Alianças Intersetoriais (CeMAIS) - Informações e inscrições: 3277-4105 (vagas limitadas)

PALESTRA: VOCÊ SABIA - APOSENTADORIA E BPC
Data: 20/9/17 - Horário: 19h às 21h
Local: Rua Albita, 144 - Bairro Cruzeiro
Realização: Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS) PALESTRA:

QUADRINHOS FOCADOS NOS SURDOS
Data: 21/9/17 - Horário: 18h às 19h
Local: Rua Albita, 144 - Bairro Cruzeiro
Realização: Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS)

PALESTRA: EDUCAÇÃO SEXUAL
Data: 22/9/17 - Horário: 19h
Local: Rua Albita, 144 - Bairro Cruzeiro Realização: Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS) OFICINA: LIBRAS PARA FAMÍLIAS DE SURDOS Data: 23/9/17 - Horário: 9h às 12h Local: Rua Albita, 144 - Bairro Cruzeiro
Realização: Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS)

OFICINA: CONTAÇÃO DE HISTÓRIAS PARA CRIANÇAS SURDAS
Data: 23/9/17 - Horário: 9h às 12h
Local: Rua Albita, 144 - Bairro Cruzeiro
Realização: Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS) PALESTRA:

CULTURA E EDUCAÇÃO DE SURDOS
Data: 23/9/17 - Horário: 14h às 15h
Local: Rua Albita, 144 - Bairro Cruzeiro
Realização: Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS)

PALESTRA: ESCOLA BILÍNGUE
Data: 23/9/17 - Horário: 15h às 16h
Local: Rua Albita, 144 - Bairro Cruzeiro
Realização: Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (FENEIS)

A SAVASSI É DA GENTE - APRESENTAÇÕES PARADESPORTIVAS
Data: 24/9/17 - Horário: 9h às 14h
Local: A Savassi é da Gente
Av. Getúlio Vargas, esquina com Av. Cristóvão Colombo
Realização: Prefeitura de Belo Horizonte

OFICINA DE POEMAS, CONTOS, CANTOS E CAUSOS - PROJETO INTERGERACIONAL
Data: 24/9/17 - Horário: 8h às 11h
Local: Casa do Baile Av. Otacílio Negrão de Lima, 751 - Pampulha
Realização: Prefeitura de Belo Horizonte

ENCONTRO MINEIRO DE TECNOLOGIA ASSISTIVA
Data: 26/09/17 - Horário: 13h às 17h
Local: Café 104 – Espaço Cultural CentroeQuatro
Praça Ruy Barbosa, 104 – Centro
Realização: Governo do Estado de Minas Gerais – Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e Ensino Superior, e Prefeitura de Belo Horizonte.
Apoio: SEED – Startups and Entrepreneurship Ecosystem Development

SEMINÁRIO DE ACESSIBILIDADE EM ESPAÇOS CULTURAIS E SEGURANÇA
Data: 27/9/17 - Horário: 13h às 17h
Local: Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa
Praça da Liberdade, 21 - Funcionários Realização: Instituto Yara Tupinambá, Revista Inclusive.com e Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa

1º SEMINÁRIO DE BONECOTERAPIA DE BELO HORIZONTE
Data: 28, 29 e 30/9/17 - Informações: (31) 3381-1145
Realização: Associação Teatros de Bonecos Origens (ATBO)

DIA D – DIA DA INCLUSÃO SOCIAL E PROFISSIONAL DAS PESSOAS COM DEFICIÊNCIA E DOS BENEFICIÁRIOS REABILITADOS DO INSS
Data: 29/9/17 - Horário: 8h às 17h
Local: Assembléia Legislativa de Minas Gerais (ALMG)
Rua Rodrigues Caldas, 30 - Santo Agostinho
Realização: Ministério do Trabalho/Superintendência Regional do Trabalho e Emprego, Governo do Estado de Minas Gerais e Prefeitura de Belo Horizonte MOBILIZAÇÃO PARA AS

ELEIÇÕES DO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA PESSOA COM DEFICIÊNCIA Data da eleição: 5/10/17 - Informações: 3277-4694

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Palestras Gratuitas sobre Lei de Incentivo ao Esporte e Esgrima em Cadeira de Rodas

Durante o 14º Encontro Nacional de Atividade Física - ENAF, a Secretaria de Estado de Esporte estará realizando duas palestras de interesse para entidades de pessoas com deficiência:

Dia 18/08 no MINASCENTRO
Avenida Augusto de Lima, 785, Centro
Belo Horizonte , MG


Tema: Da Socialização à Competição - Desafios de Armas
Modalidade: Esgrima em cadeira de rodas
Horário: 11h30 às 12h15
Palestrante: Kleber Silveira de Castro

Tema: Minas Esportiva Incentivo ao Esporte
Horário: 12h30 às 13h15
Palestrante: Thiago Souza Santana


Palestrante: Kleber Silveira de Castro
                                                                                                             
Graduado em Educação Física . Em 2010 participei, como atleta, de um Campeonato Brasileiro de Esgrima (convencional) e vi pela primeira vez  a Esgrima em Cadeira de Rodas. Perguntei aos meus colegas professores de esgrima em BH porque não havia a modalidade na capital mineira e disseram que não tinha professor. Então, montei um projeto, me capacitei e captei interessados que, com muito trabalho, tornaram-se atletas de um esporte apaixonante, rápido, preciso e sagaz. Nessa palestra vou contar como foi o começo do projeto – de uma ideia que era “oferecer a Esgrima em Cadeira de Rodas” e que se transformou, além da atual e sempre socialização, num grupo de competição do mais alto nível, com campeões nacionais ostentando em seus peitos medalhas de ouro. Mas para isso houve superação, desafio, trabalho e dedicação e mais. Claro, não tem segredos, tem fatos: venha assistir e conhecer.

Técnico de Esgrima em Cadeira de Rodas desde 2011, já treinou mais de 20 paratletas em Belo Horizonte, sendo que 5 já ganharam medalhas em competições nacionais, com conquistas de Campeonatos Brasileiros e Copas Brasil, vários 2º e 3º lugares. É técnico assistente da Seleção Brasileira de Esgrima em Cadeira de Rodas. Foi condutor da Tocha Olímpica selecionado pelo trabalho voluntário que faz há 7 anos. É Capitão do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais, sendo professor de Educação Física, Treinamento Físico Militar e Natação na Corporação. Atualmente trabalha como piloto de helicóptero no Batalhão de Operações Aéreas.

Palestrante: Thiago Souza Santana                                                            

Graduado em Administração Pública pela Fundação João Pinheiro, especialista em ‘Gerenciamento de Projetos’ e ‘Gestão de Equipes e Viabilidade de Projetos’ e mestrando em Administração pela Universidade Federal de Minas Gerais. Atualmente atua como Diretor de Gestão de Lei de Incentivo ao Esporte na Secretaria de Estado de Esportes de Minas Gerais.

Resumo da palestra:
 Apresentação do Minas Esportiva Incentivo ao Esporte, do fluxo do mecanismo e de cada uma de suas etapas, desde a apresentação do Projeto Esportivo até a execução e a prestação de contas.